Pelé diz que Seleção é boa, mas pede "estilo de jogo" para Copa 

Homenageado nesta terça-feira ao lado de outros jogadores presentes na final da Copa de 1958 entre Brasil e Suécia, Pelé fez elogios à Seleção que conquistou a prata nos Jogos Olímpicos de Londres. Para o ex-jogador, o grupo tem condições de fazer um bom Mundial em 2014, mas é preciso dar um estilo de jogo ao time.

"Acho que a seleção é muito jovem, tem tempo para armar a equipe. E todos os jogadores são bons, de categoria. Tem que ter um tipo de jogo. O México tem mais tempo de jogo, veio bem armado, bem na defesa e surpreendeu. Mas a equipe é boa", disse o ex-jogador, que evitou críticas diretas ao trabalho de Mano Menezes.

Pelé estava em Londres quando foi realizada a partida final entre brasileiros e mexicanos. Porém, não compareceu ao estádio por causa de compromissos profissionais. Em sua opinião, o saldo olímpico é positivo. "O time do México também estava bem, mas merecíamos. Fomos bem até a final", disse.

O ex-jogador acredita que o principal neste momento é preparar a equipe para a Copa do Mundo de 2014. E o caminho brasileiro começa a ser trilhado já nesta quarta-feira, quando enfrentará a Suécia no Estádio Rasunda com a mesma base da prata olímpica. "É uma equipe muito nova. Está começando agora. Espero que em 3 anos tenhamos uma boa Seleção, experiente", disse.

Além de Pelé, participaram da celebração no Estádio Rasunda os brasileiros Zito, Mazola e Pepe e os suecos Ake Johansson, Sigvard Parling, Agne Simonsso, Bengt Gustavsson, Reino Borjesson, Bengt Berndtsso, Owe Ohsson, K. Hamrin. Palco da final da Copa de 1958, o estádio será demolido no próximo ano.