Neymar testa "fase camisa 9" diante de "fregueses" bolivianos 

Neymar pode ampliar nesta quinta-feira a melhor fase vivida na carreira. O atacante testa a sua "supermédia" de gols, 16 em 17 partidas na temporada, com a fama de principal finalizador na Copa Libertadores (média de seis chutes por jogo, segundo números do Footstats) e diante de um retrospecto amplamente favorável do Santos contra o The Strongest, adversário historicamente frágil fora de seus domínios.

Ao todo, o clube alvinegro enfrentou cinco vezes os bolivianos em casa pela Copa Libertadores. O aproveitamento é de 100%, fortalecido por 29 gols marcados e somente um sofrido.

O atacante santista terá excelente oportunidade para ultrapassar o amigo Leandro Damião, atual artilheiro da competição sul-americana com cinco gols, um a mais do que Neymar. No encontro contra os bolivianos, no Beira-Rio, Damião conduziu o Internacional à larga vitória por 5 a 0, marcando três gols.

Neymar possui índice de finalizações elevados, bem superiores aos 2,8 por partida do último ano segundo oFootstats. Além disso, marcou seis gols em 13 confrontos, fato que pode melhorar com a ótima média.

No Campeonato Paulista, o camisa 11 já trava duelo pessoal com Hernane, centroavante do Mogi Mirim, com quem compete pela artilharia da competição. Neymar possui 12 gols, enquanto o atacante do Mogi, 13.