Messi responde, faz 2 em virada e Barça mantém perseguição ao Real Madrid

Com mais um recorde de Lionel Messi e pênalti polêmico, o Barcelona bateu o Levante fora de casa por 2 a 1, pela 34ª rodada do Campeonato Espanhol, e segue quatro pontos atrás do rival Real Madrid, líder da competição. O time comandado por Guardiola saiu atrás no primeiro tempo, mas contou com dois gols do argentino - sendo um deles após pênalti polêmico de Botelho em Cuenca - além de outro belo gol após tabela com Alexis Sánchez.

Na próxima rodada do Campeonato Espanhol, os dois gigantes da Espanha se encontram no Camp Nou. Barcelona e Real Madrid fazem uma partida que pode decidir título do campeonato nacional. O time da Catalunha está quatro pontos atrás do rival e, caso derrote o maior rival, pode voltar a sonhar com o tetracampeonato nacional. Em caso de empate ou vitória merengue, o troféu estará bem próximo da equipe da capital espanhola.

Os dois gols da equipe catalã foram marcados pelo argentino Lionel Messi. O argentino, eleito três vezes melhor jogador do mundo pela Fifa, igualou o recorde do brasileiro Ronaldo na temporada 1996/97 ao marcar em dez rodadas seguidas do Espanhol. Além disso, ele se igualou ao português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, com 41 gols, recorde absoluto em uma edição do campeonato nacional da Espanha.

A vitória deste sábado não tão fácil para a equipe do Barcelona. Aos 22min da primeira etapa, Sergio Busquets colocou a mão na bola dentro da área e o juiz marcou pênalti para o Levante. Barkero bateu bem e colocou os mandantes em vantagem.

No segundo tempo, Guardiola colocou Iniesta e Cuenca e mudou o panorama da partida. Aos 18min, Messi fez o gol de empate. O camisa 10 tabelou com Alexis Sánchez e bateu de esquerda, colocado, no canto direito de Gustavo Munúa.

Aos 26min, o lance polêmico do jogo. Em disputa de Botelho e Cuenca dentro da área, os dois jogadores se chocaram. O árbitro da partida seguiu orientação do auxiliar e marcou a penalidade. Na cobrança, Messi deslocou Múnua e virou o duelo: 2 a 1.

Após o gol, o Barcelona conseguiu encaixar melhor seu jogo de posse de bola e dominou as ações. Apesar de não criar mais chances de marcar, não sofreu nenhum susto e comemorou a 11ª vitória seguida neste Campeonato Espanhol.