Após derrota para o Boca, Flu já pensa no Arsenal

Com a classificação garantida para a próxima fase da Libertadores, o Fluminense lutou até o fim, mas não conseguiu a vitória sobre o Boca Juniors, nesta quarta-feira (11), no Engenhão. O placar de 2 a 0 para o adversário não desanimou o sonho tricolor de conquistar o título da competição. Na próxima rodada, o Flu enfrenta o Arsenal de Sarandí, na Argentina, para garantir o primeiro lugar do grupo 4 e a liderança geral da disputa.

O time tricolor correu, driblou e teve raça. A partida começou intensa e movimentada, com as duas equipes jogando ofensivamente e buscando gols. Mesmo atuando bem, o Fluminense não conseguiu evitar o primeiro gol do jogo. 

Aos 33 minutos, a bola sobrou com o atacante Cvitanich, que manteve a frieza argentina e chutou sem chances para Cavalieri. Após o gol, os guerreiros das Laranjeiras pressionaram e, por pouco, não empataram o duelo. Fred teve excelente chance nos acréscimos da etapa, mas a bola não entrou.

Para correr atrás do prejuízo, o Fluminense voltou do intervalo buscando espaços no campo e mantendo a posse de bola. Enquanto isso, o Boca optou por recuar sua equipe e apostar nos contra-ataques, o que funcionou. 

Aos 29 minutos, Sánchez Minõ recebeu cruzamento de Mouche e marcou o segundo gol do duelo. Lutando até o fim, a equipe tricolor ainda teve um pênalti marcado a seu favor quando Schiavi derrubou Wellington Nem na área. Rafael Moura foi para a cobrança, mas Orión fez boa defesa.