Meia Maratona de SP será treino olímpico para Marílson e elite 

A Meia Maratona Internacional de São Paulo acontece no próximo domingo com recorde de participantes: 11.600 corredores disputam a prova, que terá também a opção de 5 km. A largada dos 21 km será as 7h30 na Praça Charles Miller, ao lado do Estádio do Pacaembu. A chegada será no mesmo local.

A sexta edição é uma das mais fortes da história, já que terá a presença de atletas de alto nível se preparando para os Jogos de Londres, como Marílson Gomes dos Santos, apontado como o maior maratonista do País na atualidade e vencedor da Meia Maratona de São Paulo no ano passado, quando quebrou o recorde da prova.

Contra os quenianos, que mais uma vez serão fortes candidatos, os brasileiros levam vantagem nas cinco últimas edições: 3 a 2. Desde 2008, com Kipromo Mutai, o país africano não sobe no lugar mais alto do pódio. Desde então, Damião Ancelmo, Giomar Pereira e Marílson Gomes dos Santos foram campeões.

"Estou com uma quilometragem de treino muito grande. Competir é bom para dar uma quebrada nisso e também para pegar ritmo para as provas que vêm pela frente, como a Meia Maratona de Nova York, no dia 18 de março e a Maratona de Londres, em abril", afirmou Marílson, 33 anos.

"Treino forte para correr de igual para igual com os adversários. Os brasileiros estão cada vez mais preparados para provas, mas tenho que admitir que os quenianos que devem correr por aqui são sempre favoritos", disse Giomar Pereira da Silva, campeão em 2010.

No feminino, a história se inverte, já que as quenianas têm quatro conquistas contra apenas uma das brasileiras (Ednalva Laureano, em 2007). Para tentar quebrar essa marca, a elite feminina nacional terá Sueli Pereira da Silva, Cruz Nonata, Marily dos Santos, Conceição Maria Oliveira, Edielza Guimarães, Maria Zeferina Baldaia e Rosângela Pereira.

Os quenianos serão representados por seis atletas, três no masculino e três no feminino. Da África vem ainda um casal da Tanzânia: Catherine Lange Yuku e Ismail Juma Gallet. A maratonista colombiana Erika Abril Suarez também está na lista.