Corintiano vê melhora e alfineta Adriano: "ele come o que não deve"

A semana de concentração tem feito bem para Adriano. É o que acredita Roberto de Andrade, presidente corintiano até a próxima semana, após os três gols marcados pelo atacante no treino desta quinta-feira à tarde. Para Roberto, controlar a alimentação de Adriano foi um dos principais ganhos com o período de reclusão.

"Ele está no caminho que a gente queria e mais ainda no que ele queria. Foi uma conversa e ele que solicitou, que seria melhor ficar e ter uma alimentação mais sadia. Em casa, sozinho, ele come o que não deve, como outra pessoa qualquer. Aqui, a nutricionista cuida das refeições e ele fica melhor". O presidente corintiano ainda disse que o método usado com Adriano pode se estender a outros jogadores.

Desde segunda-feira, Adriano não deixa o Centro de Treinamento do Parque Ecológico, tem a alimentação controlada e treina em dois períodos. A atividade com bola nesta quinta animou a direção. "Ele treinou bem, todo mundo gostou. O resultado do que acordamos foi excelente e todos viram uma melhora, uma progressão", disse Roberto de Andrade, que acompanhou cerca de 35 minutos finais do coletivo.

"A lista não é definida com a diretoria, só com a comissão técnica. A diretoria vai participar da lista pronta e não temos o costume de palpitar. O treinador que está com a lista". Adriano concorre com mais sete atacantes de origem: Liedson, Emerson, Willian, Elton, Jorge Henrique, Gilsinho e Bill.