Elkeson quebra jejum de 25 jogos, e Botafogo arrasa Olaria

Criticado desde a última temporada pela torcida do Botafogo, Elkeson, enfim, respondeu à pressão na noite desta quarta-feira. Em partida realizada no Estádio do Engenhão, o camisa 9 anotou dois gols, quebrando um incômodo jejum de 25 jogos, e teve participação fundamental na goleada por 5 a 0 do time de General Severiano sobre o Olaria, pela 5ª rodada do Campeonato Carioca. O uruguaio Loco Abreu, com dois gols, e Maicosuel completaram o placar da goleada.

Os dois gols anotados nesta quarta-feira quebram a péssima fase que Elkeson carregava sem balançar as redes. Antes dos tentos anotados diante do Olaria, o meia-atacante havia marcado pela última vez no dia 27 de agosto, na vitória por 2 a 1 no clássico contra o Fluminense, em confronto válido pelo Campeonato Brasileiro.

Além da quebra na sequência negativa de Elkeson, a vitória desta quarta-feira melhorou a situação do Botafogo no Carioca 2012. Com nove pontos somados, o time comandado por Oswaldo de Oliveira ocupa a vice-liderança do Grupo A, atrás do Resende, que derrotou nesta quarta-feira o Nova Iguaçu por 3 a 1 e segue à frente por conta do número de vitórias (três contra duas do clube alvinegro).

Em contrapartida ao Botafogo, o Olaria vive um péssimo momento na competição. O clube, que conta no elenco com o veterano Pedrinho - dono de uma atuação discreta contra nesta quarta-feira -, soma apenas quatro pontos e ocupa a lanterna na chave.

Embalado pela goleada aplicada nesta quarta-feira, o Botafogo voltará a campo no próximo sábado, às 17h (de Brasília), quando enfrentará o Bonsucesso, novamente no Estádio do Engenhão. Por outro lado, o Olaria tentará a reabilitação, na mesma data e horário, contra o Macaé, na tradicional Rua Bariri.

O jogo

O Botafogo começou a partida no ataque, enquanto o Olaria mal conseguia trocar dois passes no meio-campo por causa da pressão da equipe alvinegra. E, logo aos 12min, a pressão do time alvinegro se transformou em gol. Andrezinho cobrou falta e Loco Abreu se antecipou aos zagueiros para cabecear sem chances para o goleiro.

O forte início do Botafogo se registrou no aumento do placar, e da tranquilidade em campo. Aos 23min, Lucas fez belo lançamento para Elkeson, que penetrou e chutou cruzado para marcar. Contudo, logo depois de ampliar a vantagem, Oswaldo de Oliveira foi obrigado a substituir Andrezinho, contundido, por Felipe Menezes.

O time de General Severiano dominava completamente a partida e criou duas chances seguidas aos 27min e 28min com Lucas e Maicosuel. O Botafogo marcou o terceiro gol aos 39min, novamente com Elkeson, de cabeça. O atacante aproveitou um cruzamento de Lucas, que fez outra bela jogada antes de colocar a bola na cabeça do companheiro.

Só aos 42min é que o Olaria deu o ar da sua graça na área botafoguense. Ivan bateu cruzado, Elkeson cortou, Jefferson se atrapalhou, Siston chutou e Renato aliviou o perigo.

O Botafogo voltou para o segundo tempo tentando administrar a vantagem. Logo no primeiro minuto, Felipe Menezes cruzou na segunda trave, mas Loco Abreu não conseguiu a cabeçada. O Olaria tentou mostrar que estava vivo na partida e o veterano Pedrinho, apagado no primeiro tempo, passou a aparecer mais para buscar o jogo.

Aos 8min, o ex-jogador do Vasco cobrou falta na entrada da área e Jefferson defendeu com segurança. No minuto seguinte foi a de Vanilson cabecear para outra boa defesa do goleiro alvinegro. Logo depois foi a vez de Amarildo tentar concluir de bicicleta, mas a bola subiu demais.

O Olaria passou a pressionar em busca do primeiro gol e aos 18min novamente Pedrinho chutou para nova defesa de Jefferson. Aos 19min, o Botafogo liquidou com o que restava de entusiasmo do Olaria com outro gol de Loco Abreu que recebeu ótimo passe de Maicosuel, se livrou do goleiro e tocou para as redes.

Aos 23min, Loco Abreu quase marca mais um em cruzamento de Márcio Azevedo. O time da Rua Bariri desistiu de buscar o gol e passou a se preocupar em tentar evitar mais gols. Aos 35min, Maicosuel chutou cruzado, a defesa rebateu e Márcio Azevedo concluiu de primeira mas a bola saiu.

Quando a vitória já parecia consolidada, o Botafogo marcou o quinto gol. Aos 43min, Maicosuel recebeu ótimo passe de Elkeson, driblou o goleiro e tocou para o gol vazio, definindo o resultado da partida.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 5 x 0 OLARIA

Gols:

BOTAFOGO: Loco Abreu, aos 12min do 1º tempo e aos 19min do 2º tempo; Elkeson, aos 23min do 1º tempo e aos 39min do 1º tempo; e Maicosuel, aos 43min do 2º tempo

BOTAFOGO: Jefferson; Lucas, Fábio Ferreira, Antônio Carlos e Márcio Azevedo; Marcelo Mattos (Lucas Zen), Renato, Maicosuel e Andrezinho (Felipe Menezes); Elkeson e Loco Abreu (Herrera). Técnico: Oswaldo de Oliveira.

OLARIA: Wanderson; Ivan, Diego, Thiago Eleutério e Amarildo; David, Moisés (Muniz), Siston e Pedrinho; Allan (Pará) e Vanilson (Claudir). Técnico: Amilton Oliveira.

Cartões Amarelos BOTAFOGO: Marcelo Mattos OLARIA: Moisés

Árbitro João Batista de Arruda

Local Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)