Alison defende sua coroa no Rei da Praia 2012

Depois de um ano de reinado, Alison, Rei da Praia em 2011, não quer abrir mão de sua majestade. O jogador capixaba, que conquistou uma série de títulos importantes ao lado de Emanuel, viu no Rei da Praia o início de uma temporada perfeita. "Sem dúvida, 2011 foi o melhor ano da minha carreira, um ano de muitas conquistas. E tudo começou com o título de Rei da Praia", afirma Alison, que comemorou ainda as vitórias da Copa do Mundo, do Circuito Mundial, do Circuito Brasileiro e a medalha de ouro nos Jogos Panamericanos.

Para repetir a dose e começar 2012 com outro título, Alison treina em ritmo forte na Praia do Leme, na companhia de Emanuel e sob o comando da técnica Letícia Pessoa. Em sua terceira participação no Rei da Praia Embratel, Alison já desenvolveu um carinho especial pelo torneio: "Nessa competição, só jogam os melhores. Espero poder disputar a coroa todos os anos até o fim da minha carreira". 

Ao contrário de outros anos, o Rei da Praia não abrirá o calendário do vôlei de praia brasileiro em 2012. Antes será realizada, em Salvador, uma etapa do Campeonato Brasileiro, o que deixará os atletas mais preparados para esquentar as areias de Ipanema. "Isso faz com que os competidores já entrem com ritmo de jogo, com um nível mais alto. O que torna a disputa ainda mais acirrada", afirma Alison.

Depois de buscar novamente o título de Rei, o grande objetivo de Alison será a corrida por uma vaga para a Olimpíada de Londres. "A expectativa de participar dos Jogos é muito grande. Eu e Emanuel estamos nos preparando para isso. Treinamos para representar o Brasil da melhor maneira possível, caso consigamos a classificação".

Sua bem-sucedida parceria com Emanuel já dura três anos. A dupla tem alcançado ótimos resultados e este ano aposta na parte científica do vôlei em busca de saldos ainda mais positivos. Uma das iniciativas foi a contratação de um fisiologista, que fará um acompanhamento criterioso dos treinos, que já começaram com força total no Leme.

Sem rodeios, Alison não esconde a felicidade de ter seu ídolo como parceiro: "Todo campeonato ao lado do Emanuel traz uma sensação diferente. Estamos juntos há três temporadas e tenho aprendido muito com ele. Ele é um exemplo fora e dentro de quadra. Quando falamos em vôlei de areia no Brasil, estamos falando necessariamente de Emanuel, ele é o Pelé do vôlei de praia. É ótimo poder fazer dupla com uma pessoa que veste a camisa, que tem gana de vencer. Aos 38 anos, ele continua empolgado. Espero poder passar para outro menino tudo o que ele me ensinou", declara o craque.