Ex-piloto de F1, Jos Verstappen culpado de tentativa de homicídio 

O ex-piloto holandês de Fórmula 1 Jos Verstappen foi declarado culpado de tentativa de homicídio por ter agredido uma ex-companheira de 24 anos, ficando à disposição da Justiça desde a quarta-feira passada, noticiou nesta sexta a agência ANP.

Segundo a fonte, a jovem denunciou Verstappen, de 39 anos, por tentar agredi-la, enquanto o advogado do acusado desmentiu as acusações.

Em 2009, Verstappen foi condenado por um tribunal belga a três meses de prisão por reincidir em ameaças contra a ex-mulher.