Com renovação confirmada, Tite começa a curtir as férias nos EUA 

Tite viajou aos Estados Unidos para visitar o filho Matheus sem ter a confirmação da renovação de contrato com o Corinthians. Há uma semana fora do Brasil, ele enfim começa a aproveitar as férias com a família. Em entrevista à TV Corinthians, o treinador admitiu o alívio com o acordo recente e demonstrou tranquilidade durante a viagem.

"Confesso, curtindo as férias mesmo, só a partir de hoje (sexta-feira), que temos essa situação definida. Ontem (quarta-feira) eu falei com o presidente (Andrés Sanchez). A partir daí, uma tranquilidade maior no sentido de curtir mesmo, de poder acompanhar os momentos e descontrair", disse Tite, por telefone. O técnico ainda falou sobre o planejamento para 2012.

Tite afirmou que gostaria de trabalhar com 27 a 30 jogadores, mas que há a possibilidade de alguns atletas deixarem o clube em busca de mais espaço. Até agora, quatro contratados foram confirmados pela diretoria: Felipe, Vítor Junior, Cássio e Gilsinho. O técnico creditou ao vice-presidente Roberto de Andrade, ao diretor de futebol Duílio Monteiro Alves e ao gerente de futebol Edu as chegadas.

"Eles tiveram um papel muito importante no sentido da programação para o ano seguinte", disse Tite. "Eu fiquei mais voltado à conquista do título mesmo, mas todos os nomes eram sempre debatidos justamente no sentido de fortalecer, de ter um plantel forte diante da necessidade do Paulista e da Libertadores", explicou o técnico, que mesmo nas férias não deixa de acompanhar o futebol.

Ele ainda levou com bom humor a mais nova ação do marketing corintiano: uma camisa com a silhueta do rosto do técnico e a inscrição "fala muito". O técnico disse à frase a Luiz Felipe Scolari durante o Campeonato Paulista de 2011, enquanto o rival palmeirense reclamava da arbitragem. Tite riu ao comentar o assunto. "Achei muito legal. Se eu contar para a minha mulher, ela vai comprar e usar sempre olhando para mim", brincou.