Flu empata com Botafogo e assegura vaga direta na Libertadores

Com um empate por 1 a 1 diante do desmotivado rival Botafogo, neste domingo, jogando em Volta Redonda, o Fluminense assegurou o terceiro lugar no Campeonato Brasileiro, na última rodada do torneio. A colocação possibilita que os comandados de Abel Braga entrem na próxima Copa Libertadores diretamente na fase de grupos.

Com 63 pontos, o time tricolor termina a competição sete pontos na frente do rival alvinegro, que teve uma reta final desastrosa e encerra a participação em nono, com 56.

Após um começo movimentado, com dois gols em 12min (Fred para o Fluminense e Felipe Menezes para o Botafogo), o jogo caiu de produção e refletiu a falta de interesse dos dois times. O mais motivado era o atacante Fred, que via a oportunidade de igualar o santista Borges na artilharia do torneio, mas não alcançou o objetivo.

O jogo

A semana botafoguense foi tumultuada. No sábado, torcedores protestaram durante o treinamento da equipe, com críticas especialmente direcionadas para Elkeson e Cortês. Como agravante, o técnico Flávio Tenius teve que escalar a equipe levando em conta os defalques do zagueiro Antônio Carlos, contundido, e do meia Everton e do atacante Herrera, suspensos.

Em clima muito mais amistoso com a torcida, o Fluminense teve apenas a ausência de Edinho, lesionado, e do técnico Abel Braga, suspenso pelo STJD e impedido de comandar o time à beira do gramado. Nenhum problema impediu o clima de deconstração no último treino, com um rachão em que Fred foi para o gol e autógrafos para fãs.

O alto astral da equipe tricolor se refletiu dentro do campo. Logo aos 5min, Diguinho chegou bem pela esquerda e cruzou para Fred, que dorminou no peito e chutou para abrir o placar. Foi o 22º do atacante na competição, se aproximando de Borges, com apenas um a mais.

O Botafogo, porém, não se abalou com a desvantagem e demonstrou a tranquilidade que vem faltando na reta final da competição. O empate veio prontamente, aos 12min, com Felipe Menezes, que recebeu na entrada da área e e chutou para o fundo das redes de Cavalieri.

O início movimentado do clássico não teve continuidade. A partida seguiu truncada, sem grandes emoções, com o time alvinegro tomando um pouco mais de iniciativa. Aos 27min, o goleiro do Fluminense fez boa defesa em cabeçada de Loco Abreu.

A primeira etapa, no entanto, terminou sem outros lances de perigo. Em um jogo que já era monótono, Diego Cavalieri recebeu cartão amarelo por demorar na reposição de bola.

Desanimado com os resultados dos concorrentes diretos, que impossibilitavam o sonho distante de conseguir uma vaga na Libertadores, o Botafogo voltou cabisbaixo para o segundo tempo. No Fluminense, Fred se mostrava motivado para buscar o gol que o tornaria artilheiro do campeonato, ao lado de Borges, do Santos.

O time alvinegro melhorou com a entrada de Caio, que chegou a fazer um gol aproveitando cruzamento, mas o árbitro Antônio de Carvalho Schneider (RJ) anulou a jogada alegando que a bola teria saído do campo.

Aos 25min, Loco Abreu também teve gol anulado, por impedimento, ao aproveitar rebote de Cavalieri. Valencia, do Fluminense, foi expulso após receber o segundo cartão amarelo, e o final de jogo foi tenso, com reclamações de pênaltis não marcados para os dois lados. O placar, porém, não foi mais alterado.

Ficha técnica

BOTAFOGO 1 X 1 FLUMINENSE

GolsBOTAFOGO:Felipe Menezes, aos 11min do primeiro tempo FLUMINENSE:Fred, aos 4min do primeiro tempo

BOTAFOGO: Jefferson, Alessandro, Gustavo, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos (Alex), Renato, Felipe Menezes (Thiago Galhardo), Maicosuel e Elkeson (Caio); Loco Abreu. Técnico: Flavio Tenius

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Mariano, Elivélton, Leandro Euzébio e Carlinhos; Valencia, Diguinho, Marquinho (Diogo) e Deco (Lanzini); Rafael Sobis (Matheus Carvalho) e Fred. Técnico: Leomir

Cartões amarelosBOTAFOGO: Elkeson, Felipe Menezes, Marcelo Matos e Thiago Galhardo FLUMINENSE: Diguinho, Marquinho e Valencia

Cartão vermelhoFLUMINENSE: Valencia

Árbitro Antônio de Carvalho Schneider (RJ)

Renda/Público R$ 102.420 / 4.790 pagantes

Local Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ