Caça ao camisa 9 persiste e Vasco se divide entre Elton e Alecsandro

Elton ou Alecsandro? Na última partida do Vasco na temporada, a dúvida que persistiu durante quase todo o ano, mais uma vez, se repete. Para encarar o Flamengo, a tendência é que Alecsandro inicie o jogo. Mas quem é capaz de garantir qual será o centroavante se nem Cristóvão Borges parece estar decidido.

"Ele disse que está preparado para jogar? Está todo mundo assim e por isso temos essa esperança toda (de título). O Alecsandro e todo mundo quer jogar. Isso para mim é bom", respondeu Cristóvão, nesta sexta-feira, depois do penúltimo treino para encarar o Flamengo.

Antes dele, foi justamente Alecsandro que passou pela sala de imprensa para conceder entrevista coletiva. Questionado sobre como era alternar entre o campo e o banco de reservas durante quase todo o ano de 2011, ele reagiu com personalidade. Afirmou que quer mesmo é ser escalado. Em tom de bom humor, pediu ainda que os jornalistas dessem o recado a Cristóvão.

"Eu quero jogar e independente de qualquer coisa. Acho que, por ter começado esse último jogo (contra a Universidad do Chile), levo uma pequena vantagem. Se a opção for começar com o Elton, vou respeitar e tentar fazer o meu trabalho. Não escondo, vocês sabem. Fui contratado não para ser titular, mas para jogar. No último jogo do ano, espero que possa jogar", afirmou Alecsandro, ex-Internacional. Segundo ele, a relação com o concorrente é muito boa.

"Esse grupo já mostrou para todo mundo que é unido, que respeita, que quer vencer junto. Então meu relacionamento com o Elton é o mesmo de todo mundo. É de amizade, de carinho, e quem jogar que possa dar o melhor. Não tem briga, todos se gostam. Esse é um dos segredos para a gente ir muito longe".

Só mesmo os números para tentar explicar quem é o melhor, certo? Errado. Pois até no quesito mais objetivo possível há um empate técnico: ambos têm média de 0,34 gol por partida. Alecsandro fez 13 gols em 38 jogos no ano e Elton marcou 15 vezes em 44 partidas. A vantagem do último é ter iniciado 24 jogos entre os titulares - Alecsandro teve mais oportunidades e começou 34 partidas.

Aparentemente, Elton tem menos chances de ser titular diante do Flamengo. Incomodado por um problema no tornozelo, ele teve atuação muito ruim e perdeu gols importantes em 45 minutos em campo diante do Fluminense. Alecsandro entrou aos 26min da etapa final e decidiu com gol e assistência. Depois de jogar a partida inteira no Chile, é o favorito da vez. Só no Brasileiro, por sua vez, Elton contribuiu com cinco gols saindo do banco de reservas.