Daniel Alves nega Seleção desprestigiada e sai em defesa de convocados 

Fora do duelo contra o Gabão por conta de uma expulsão no amistoso diante do México, no mês passado, o lateral direito Daniel Alves saiu em defesa dos jogadores que enfrentaram a equipe africana e que estarão em campo nesta segunda-feira, para o duelo diante do Egito, em Doha.

Mesmo sem a presença de craques como Neymar e Ronaldinho, que ficaram de fora por conta de acordo feito pelo técnico Mano Menezes com os clubes brasileiros, e sem o retorno esperado do meia Kaká, que foi cortado por conta de uma lesão, o jogador do Barcelona afirmou que o grupo que está no Catar merece respeito e não pode ser rotulado como um time desprestigiado.

"Não acredito que seja assim. Aqueles que fizeram o seu nome aqui, que são grandes jogadores, construíram com certas etapas o seu nome, a sua grandeza, e o respeito. Todos os jogadores que estão aqui são grandes e nos seus clubes são importantes. Não existe isso na Seleção. Temos que respeitar porque é a Seleção Brasileira", afirmou o lateral.

Um dos titulares habituais de Mano que retornam ao time para o duelo contra os egípcios, assim como o zagueiro Thiago Silva e o volante Lucas Leiva, Daniel Alves comemora o fato de ser um dos mais antigos na atual lista de convocados. O jogador destacou o seu currículo positivo à frente da Seleção Brasileira.

"É um privilégio estar aqui como um dos mais veteranos da Seleção Brasileira. Isso é fruto de uma trajetória importante aqui dentro. Estou procurando fazer a minha história dentro da Seleção. Aqui na Seleção só são lembrados os jogadores vitoriosos e o meu retrospecto aqui é mais do que positivo".

Sem Daniel Alves no duelo contra os gaboneses, Mano Menezes escalou o jovem lateral Fábio, do Manchester United, como titular. Porém, sofrendo na parte defensiva, o jogador acabou sendo o primeiro substituído na partida, ainda no intervalo, pelo ex-santista Alex Sandro. Com a modificação, o treinador acabou passando Adriano para o lado direito. E o parceiro de Alves no Barcelona acabou tendo boa atuação na partida.