No pior ano da vida, Valdivia culpa lesões e problemas pessoais por má fase

Em entrevista concedida na manha desta terça-feira à rádio Estadão/ESPN, o meia chileno Valdivia, do Palmeiras, resolveu desabafar e disse estar em seu pior ano da vida. Culpando lesões e os recentes problemas pessoais, entre eles um suposto caso de traição divulgado ontem, o jogador espera dar a volta por cima.

"É sim (o ano mais difícil) na minha vida. Por tudo isso que está acontecendo comigo, especialmente os problemas especiais", disse. "No futebol está complicado pelos problemas físicos. Super-homem não sou (ao se referir ao excesso de jogos pelo chile e palmeiras). Não é uma desculpa. Futebol é entrar em campo e jogar bola. Mas tem bola pela frente. Sou jovem ainda. Tenho a confiança do grupo, do presidente. Espero voltar a jogar o futebol que a torcida está esperando", completou.