Ex-companheiro de Breno, Alex Silva diz que prisão não é solução

Ex-companheiro do zagueiro Breno no São Paulo, o experiente Alex Silva, hoje no Flamengo, saiu em defesa do colega e disse que a prisão do jogador do Bayern de Munique, da Alemanha, não será a solução para o problema.

Breno foi detido acusado de atear fogo na própria casa na Alemanha. "Estou muito triste e mandei pelo Facebook uma frase dizendo que estamos orando para que tudo se resolva. Espero que ele dê a volta por cima rapidamente", disse o zagueiro do Flamengo.

Alex Silva lembrou que também passou por momentos difíceis no futebol alemão, quando ficou parado no Hamburgo por 10 meses devido a uma séria contusão. "Eu também tive dificuldades quando me lesionei e voltei a sentir no retorno. Não é fácil. Ele estava há 10 meses sem jogar e passou por isso. Só que não precisa de prisão. Não ajuda em nada", avaliou o defensor.

Alex Silva disse que, na época de São Paulo, Breno nunca apresentou qualquer distúrbio ou problema psicológico. "No São Paulo, ele só viveu fases boas, nunca apresentou problema familiar, no casamento, nunca chegou triste, nunca faltou. Foi uma surpresa o que aconteceu", concluiu o jogador.