Djokovic deixou Nadal perplexo, diz lenda do tênis

Para o ex-tenista americano John McEnroe, o jogo de Novak Djokovic na final do Aberto dos Estados Unidos desnorteou Rafael Nadal de uma forma que nenhum tenista fez antes. Em entrevista ao site da BBC inglesa, McEnroe ainda afirmou que a temporada do sérvio já é a melhor de todos os tempos e ele ainda tem potencial para melhorar seu tênis.

McEnroe afirmou à rede britânica que, em Wimbledon, Djokovic se colocou em outro nível, acima de todos os seus rivais, e hoje consegue deixar Nadal desorientado, sem saber o que fazer, mesmo quando eles se enfrentam no piso preferido do espanhol, o saibro.

De fato, o retrospecto de Djokovic na temporada é o melhor de todos os tempos, por enquanto, superando o próprio McEnroe, que em 1984 conquistou 82 duas vitórias e perdeu apenas três vezes. Até agora, o número um do mundo tem 64 triunfos e só dois revezes, um aproveitamento de 96,97% - contra 96,47% do americano naquele ano.

No entanto, o veterano acha que o tênis é mais competitivo atualmente do que em sua época, o que tornaria o feito de Djokovic ainda mais impressionante. McEnroe ainda afirmou acreditar que este seja apenas o início de uma trajetória ascendente do sérvio, que aos 24 anos já se acostumou a ganhar de nomes sagrados do esporte, como Roger Federer e o próprio Nadal.