Mano critica erros na defesa e no ataque e fala em mudanças

A repetição de erros cometidos na Copa América deixou irritado o técnico da Seleção Brasileira Mano Menezes. Depois da derrota por 3 a 2 diante da Alemanha, nesta quarta-feira, em Stuttgart, o treinador criticou os erros de finalizações e desatenção na defesa e sinalizou mudanças para os próximos jogos.

"Algumas coisas servem para o técnico perceber algumas situações. Alguns fatos de repetiram e quando se repetem viram padrão. O padrão quando é positivo deve ser mantido. Quando é negativo deve ser alterado", disse.

Mano não citou nomes, mas uma breve análise do jogo indica que Alexandre Pato e André Santos foram os alvos da reprovação do treinador. O atacante mais uma vez mostrou preciosismo no ataque ao deixar de chutar uma bola no primeiro tempo e tentar um gol por cobertura no segundo.

Já o lateral André Santos falhou no terceiro gol, ao perder a bola para Schweinsteiger. O gol esfriou o ímpeto da Seleção, que tinha diminuído e ainda ambicionava um empate. O jogador tem tido atuações irregulares com a camisa da Seleção Brasileira.

"Continuamos desde o primeiro jogo criando chances e perdendo gols. Tivemos em alguns resultados negativos a repetição de erros defensivos e sofremos os gols. Não precisamos disso porque o nível de exigência é outro, não podemos repetir isso em jogos grandes quando você perde por detalhes", afirmou.