Promotor teme que Itaquerão expulse população pobre do entorno

O promotor de habitação e urbanismo da cidade de São Paulo, José Carlos de Freitas, afirmou à Rádio Jovem Pan que o Ministério Público Estadual está investigando o impacto que a construção do Itaquerão terá na população do entorno. Freitas disse temer que a obra expulse a população mais pobre da área.

"Esses eventos, como a Copa do Mundo e a Olimpíada, acabam forçando as pessoas de baixa renda a se deslocar do entorno das obras. No que diz respeito à população de baixa renda, ela é desassistida, mais vulnerável", afirmou o promotor. Ele também disse que solicitou ao Comitê Organizador Local uma cópia do Caderno de Encargos da Fifa, que contém as exigências da entidade para os estádios da Copa, mas não foi atendido no prazo legal de dez dias úteis.