Tênis: Nadal sofre mas vence em cinco sets na sua estreia

O espanhol Rafael Nadal, atual campeão de Roland-Garros, teve uma estréia muito difícil contra o americano John Isner, vencendo seu rival em cinco sets, com parciais de 6-4, 6-7 (2/7), 6-7 (2/7), 6-2 e 6-4.

O número um do mundo, que pode igualar o recorde do sueco Bjorn Borg, hexacampeão em Paris, nunca tinha disputado cinco sets no torneio. Na temporada passada, ele não perdeu uma parcial sequer quando venceu seu quinto título no saibro de Roland-Garros.

Nadal já tinha declarado antes da partida que Isner "faz parte dos jogadores que é melhor evitar, ainda mais na primeira rodada".

O gigante americano, de 2,06 metros de altura, tem um saque devastador, e sempre deu muito trabalho para o espanhol. Na temporada passada, Nadal perdeu um set para ele em Indian Wells, onde acabou vencendo por 7-5, 3-6 e 6-3. Dois meses depois, também fez um jogo apertado (7-5 e 6-4), apesar de jogar em casa, em Madri, e no saibro, seu piso favorito.

No torneio de Wimbledon de 2010, Isner fez história ao vencer o jogo mais longo de todos os tempos contra o francês Nicolas Mahut, que terminou com o placar de 70 a 68 no quinto set, após 11 horas e cinco minutos passados na grama londrina, onde os 183 games foram disputados durantes três dias seguidos.

A partida desta terça-feira durou "apenas" 4 horas e um minuto, mas Nadal teve muitas dificuladades para impor o seu jogo. O espanhol jogou mais curto do que o costume e cometeu muitos erros em bolas fáceis.

O espanhol também mostrou fragilidade em momentos decisivos, como nos dois tie-breaks perdidos do segundo e do terceiro set. Além disso, desperdiçou dez chances de quebrar o saque do seu adversário.

"Foi muito difícil. Seu saque era praticamente indefensável, ele fez uma partida fantástica. Estava sob pressão o tempo todo e tive que lutar muito. Foi uma vitória importante, mas eu preferia ter ganho em três sets", declarou o espanhol após o jogo.

Nadal só conseguiu dar a volta por cima ao jogar com mais agressividade a partir do quarto set. Com ótimas passadas e direitas mais eficientes, acabou superando o americano, mas continua deixando os especialistas com dúvidas sobre o sua forma.

Nesta temporada, ele perdeu duas finais seguidas no saibro contra o sérvio Novak Djokovic, nos masters 1000 de Madri e Roma.

Na próxima rodada, Nadal enfrentará o seu compatriota Pablo Andújar, que venceu nesta terça-feira o colombiano Santiago Giraldo por 7-6 (7/5), 6-3 e 6-3.