Na prorrogação, Grizzlies vencem Thunder e lideram semifinal

O Memphis Grizzlies se recuperou de uma desvantagem de 16 pontos atrás no marcador para levar a partida para a prorrogação e vencer o Oklahoma City Thunder por 101 a 93, neste sábado, pela terceira partida da série semifinal da Conferência Oeste da NBA (liga americana de basquete).

Com o triunfo, os Grizzlies recuperaram a liderança do confronto e vencem a série semifinal melhor de sete partidas por 2 a 1. O jogo quatro da série está marcado novamente para Memphis, na próxima segunda-feira.

O ganhador da eliminatória encara na decisão do Oeste quem passar entre Dallas Mavericks e Los Angeles Lakers. Os texanos estão na frente com 3 a 0 e precisam de mais um triunfo para finalizar a outra perna da semifinal.

A dupla Kevin Durant e Russel Westbrook teve, mais uma vez, grande atuação, com os dois alcançando o double-double. Westbrook foi o cestinha da partida com 23 pontos, além de 12 assistências. Durant fez um tento a menos, mas pegou 12 rebotes. Destaque também para os 13 rebotes de Kendrick Perkins e os 14 pontos de Serge Ibaka.

Porém, o grande destaque da partida foi o pivô Zach Randolph, que marcou 21 pontos, o mesmo número de rebotes. Seguido pelo reserva O.J.Mayo, com 18 pontos, mesma pontuação de Mike Conley.

O jogo

Para recuperar a vantagem do mando de quadra, o Thunder começou bem o duelo em Memphis, neste sábado, com cinco pontos consecutivos nos dois primeiros minutos. Com uma cesta de Durant, a equipe de Oklahoma abriu sete pontos a cinco minutos para o final do primeiro período (15 a 8). Mas os Grizzlies reagiram e até viraram, terminando em vantagem no marcador: 22 a 20.

A franquia do Tennessee se manteve na liderança do placar no começo do segundo quarto, mas com uma jogada de três pontos do reserva James Harden, o Thunder voltou a liderar a menos de sete minutos para o fim da partida. A vantagem cresceu nos minutos seguintes e a equipe foi para o intervalo na frente: 53 a 41.

Com grande atuação de Westbrook no começo do terceiro período, o Oklahoma City deslanchou na partida e abriu 16 pontos de vantagem para o rival com uma cesta de dois pontos de Durant a cinco minutos para o estouro do cronômetro (68 a 52). Os Grizzlies diminuíram a diferença com uma bandeja de Mike Conley no final do quarto: 76 a 63.

Conley passou a se destacar e foi um dos responsáveis pela reação do Memphis, que diminuiu a diferença para apenas um ponto a três minutos para final da partida (84 a 83). As equipes passaram a cometer erros ofensivos, mas os Grizzlies tomaram a dianteira com dois arremessos livres de Tony Allen.

Também da linha do lance livre, Westbrook empatou com um minuto para o final da partida. Mayo teve a chance de recolocar os donos da casa em vantagem, mas desperdiçou o arremesso, com Serge Ibaka garantindo o rebote.

A quatro segundos do fim, Durant recebeu a bola e tentou o arremesso, que bateu no aro. Assim como o chute da linha de três de Randolph no estouro do cronômetro, o que fez a decisão ir para a prorrogação.

No tempo extra, os Grizzlies marcaram seis pontos seguidos e conseguiram abrir vantagem. As equipes trocaram ataques e os donos da casa conquistaram a vitória na partida três da série.