Ronaldinho perde pênalti, Fla só empata e cruza com Fluminense

O Flamengo segue sem perder no Campeonato Carioca. Campeão da Taça Guanabara, o time cumpriu o protocolo e passou às semifinais da Taça Rio, segundo turno do Estadual, ao empatar neste domingo com o Macaé por 1 a 1. No entanto, a equipe poderia até ter vencido, não fosse um pênalti perdido por Ronaldinho nos acréscimos do jogo.

Com o resultado, o Flamengo terminou a fase na segunda colocação do Grupo A, somando 16 pontos. Nas semifinais, a equipe terá pela frente o Fluminense, que bateu o Nova Iguaçu por 1 a 0 e terminou na primeira colocação do Grupo B, somando 17 pontos. Na outra semifinal, o Vasco (líder do Grupo A, com 17 pontos) pega o Olaria (segundo no Grupo B, com 15). O Macaé, com oito pontos no Grupo B, escapou do rebaixamento.

Jogando no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, o Flamengo começou a partida buscando espaços no toque de bola e nos cruzamentos. Aos 5min, Ronaldinho cobrou falta na área para a cabeçada de Jean - Éverton salvou. O camisa 10, principal articulador de jogadas, ainda acionou Rodrigo Alvim aos 19min, mas o cruzamento do lateral esquerdo morreu na trave do goleiro do Macaé.

O Macaé ainda teve uma boa chance aos 21min, em cruzamento de Danilo pela esquerda que André Gomes bateu por cima. O meia ainda teve duas oportunidades para a equipe macaense, em levantamentos que não tiveram sucesso aos 24min e aos 33min. A partir daí, os rubro-negros passaram a ter trabalho com o time do técnico Toninho Andrade.

Mesmo assim, na etapa final, o gol saiu para dar mais tranquilidade aos flamenguistas: aos 12min, Ronaldinho cobrou escanteio e Jean escorou de cabeça na segunda trave - a zaga tentou cortar, mas acabou empurrando para dentro do próprio gol.

O Macaé ainda pressionou e empatou aos 33min, com Hianthony - o jogador macaense aproveitou o rebote de Felipe e apareceu na área para escorar após o chute de Robson pela esquerda.

O jogo caminhava para o empate até os acréscimos. Porém, aos 47min, Diego Maurício foi derrubado na área por Marcos Tamandaré e deu a chance da vitória rubro-negra - Ronaldinho, principal nome do Flamengo na partida, bateu, mas mandou por cima e tirou parte do brilho da festa flamenguista em Volta Redonda.