Na espera de Adriano, Corinthians tem pior ataque da elite no ano

Nenhum clube da elite do futebol brasileiro marca tão pouco em 2011 quanto o Corinthians. No ranking de aproveitamento, gols pró e gols contra apresentado pelo Terra, a equipe do treinador Tite é a que tem a menor intimidade com as redes. A média é de 1,57 gol por partida. Defensivamente, o time se destaca: é o terceiro melhor do país nos números.

O clube espera melhorar esse índice no Campeonato Brasileiro, quando poderá contar com os serviços de Adriano. Os corintianos, entretanto, não podem se animar muito, já que o reforço não faz um gol desde 21 de maio de 2010. Quando estrear diante do Grêmio em 22 de maio, na primeira rodada da Série A, Adriano terá completado um ano de jejum.

Os poucos gols marcados não são exclusividade do Corinthians, mas também dos outros grandes de São Paulo. O Santos é 10º (2 gols por jogo), o São Paulo é o 13º (1,94) e o Palmeiras é o 17º (1,70).