Santos apela a Mano para conseguir Ney Franco por três meses

O favorito dentro do Santos para substituir Adilson Batista é Ney Franco, técnico da Seleção Brasileira campeã do Sul-Americano Sub-20. O treinador, porém, comandará o Brasil no Mundial da categoria, a ser realizado entre entre 29 de julho e 20 de agosto na Colômbia, o que gerou a ideia dentro do clube paulista de contratá-lo por cerca de três meses.

Segundo apurou a reportagem do Terra, a ideia do Santos é de contar com Ney Franco para a disputa da Copa Libertadores. Para isso, o presidente do clube, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, pediu ao técnico da Seleção principal, Mano Menezes, que libere o treinador da Sub-20 por um período de pouco mais de 90 dias, o que lhe permitirá disputar o Mundial - a Copa Libertadores se encerra em 22 de junho.

A contratação de Ney Franco também permite ao Santos aguardar por Abel Braga, grande desejo da diretoria. O técnico campeão mundial com o Internacional tem contrato com o Al-Jazira até maio.

Ney Franco tem a aprovação da diretoria do Santos, especialmente pelo trabalho no Sul-Americano Sub-20. Na competição, comandou os santistas Neymar, Danilo, Alex Sandro e Alan Patrick. O treinador tem como principais conquistas a Série B com o Coritiba e a Copa do Brasil com o Flamengo.

A reportagem do Terra tentou entrar em contato com Luis Álvaro, mas ele está em cerimônia concedida pela Federação Paulista de Futebol (FPF) em seu Salão Nobre, em São Paulo. O presidente recebe nesta noite a outorga do Grã Colar da Ordem Nacional do Mérito.

Em entrevista ao Sportv, o dirigente confirmou a ideia. "Espero que chegando ao Ricardo Teixeira, eu possa pedir o empréstimo do Ney Franco. Sei que os planos da coordenação de base da Seleção Brasileira são muito importantes, mas quem sabe ele não nos cede por noventa dias? Depois a gente o devolve mais preparado, experiente e com um título do campeão", afirmou.