Após estreia, Ronaldinho classifica torcida como "fora do normal"

RIO - Após a vitória do Flamengo por 1 a 0 sobre o Nova Iguaçu, pelo Campeonato Carioca, o meia Ronaldinho agradeceu a festa no jogo de sua estreia e classificou a torcida rubro-negra como "fora do normal".

"É sem dúvida um dos momentos mais felizes da minha vida. Essa torcida é fora do normal. Fiquei tão encantado que não dava vontade de sair de campo. Queria viver este momento por mais alguns minutos", disse o jogador que, após o jogo, ficou sozinho no centro do gramado do Engenhão saudando a torcida presente.

"Não tenho o que falar desta torcida, é o que sempre disse: todo mundo tem um pouquinho de Flamengo dentro de si. O meu sentimento aflorou de uma forma que jamais vou esquecer", afirmou Ronaldinho.

O jogador aproveitou para agradecer o apoio dos companheiros de equipe na estreia. Ronaldinho ressaltou que não jogava há muito tempo e foi carregado pelos companheiros.  "Fiquei tanto tempo sem jogar que tem que achar ritmo para me adaptar a companheiros com quem nunca joguei. Só tenho que agradecer aos companheiros que me receberam de braços aberto e estão me carregando", completou. 

Ele classificou sua estreia no Flamengo como "regular". "Acho que poderia ter rendido mais. Venho encontrando dificuldades, como falta de ritmo, entrosamento, mas estou muito feliz por conquistar o primeiro objetivo, que foi a classificação", concluiu Ronaldinho.

Após o término do jogo, o meia não trocou a camisa que utilizou durante a partida com os adversários. Ronaldinho espera presentear a mãe, dona Miguelina, que acompanhou a estreia do filho no Engenhão.