"É uma honra ser o capitão do Inter em um Mundial", diz Bolívar

O zagueiro Bolívar afirmou que é "uma honra" ser o capitão do Internacional no Mundial de Clubes e ter a oportunidade de levantar o que seria o troféu mais importante da história da equipe gaúcha.

"É magnífico poder disputar este Mundial em um ano no qual já ganhamos a Libertadores. E pessoalmente é uma honra poder ser o capitão", disse o jogador.

"É um sonho poder voltar a um torneio assim. O clube tem muitas boas lembranças de quatro anos atrás, quando fomos campeões. Tomara que sigamos o exemplo", declarou.

O Inter treinou nesta sexta-feira nas instalações do Sultan Bin Zayed, que será o centro de treinamento do time durante sua estada nos Emirados Árabes Unidos.