Luxemburgo dá bronca aos jogadores do Fla

    RIO - O Flamengo deixou o campo no primeiro tempo perdendo por 1 a 0 para o Corinthians. No vestiário do Engenhão, o técnico Vanderlei Luxemburgo chamou a atenção dos jogadores e a bronca surtiu efeito logo aos três minutos da segunda etapa, quando Diogo deixou tudo igual. Após a partida desta quarta-feira, o comandante exaltou a mudança de atitude.

"A postura do primeiro tempo foi horrível. Você pode até perder, mas tem de fazer o adversário sofrer. Da forma como estávamos jogando, o Corinthians não estava sofrendo para ganhar. No segundo tempo, o time teve postura de quem quer alguma coisa. Tem que sair arrebentado, não pode sair confortável", opinou Luxemburgo.

Questionado sobre os objetivos da equipe para a reta final do campeonato, o treinador repetiu mais uma vez o discurso de sua chegada: a intenção para esta temporada é conquistar uma vaga na Copa Sul-Americana do ano que vem.

"Não mudei meu discurso. Desde que cheguei aqui, falo em Sul-Americana. Eu falo que estamos no sufoco porque a situação é complicada, mas meu objetivo sempre foi a vaga na Sul-Americana", concluiu ele, que ganhou elogios de Renato Abreu.