Giuly marca na prorrogação e PSG, fora de casa, elimina Lyon

Heptacampeão francês nesta década, o Lyon fracassou em mais uma competição local. Nesta quarta-feira, a equipe do brasileiro Michel Bastos acabou eliminada da Copa da Liga Francesa. Atuando em casa, o time do técnico Claude Puel perdeu para o Paris Saint-Germain por 2 a 1, na prorrogação, e caiu ainda nas oitavas de final da competição. O experiente atacante Ludovic Giuly, campeão continental pelo Barcelona em 2006, marcou o gol da vitória dos visitantes.

Sem títulos desde 2008, o Lyon parece destinado a passar mais uma temporada observando os tradicionais clubes do país retomarem o domínio. A eliminação para o PSG, somada à fraca campanha no Campeonato Francês, competição a qual ocupa a modesta 14ª colocação. O clube de Paris, por sua vez, ocupa o sétimo posto na liga.

O Lyon - que contou com o brasileiro Michel Bastos, convocado por Dunga para a Copa do Mundo da África do Sul - começou bem o confronto e parecia caminhar para uma boa vitória sobre um dos rivais mais tradicionais do país. Aos 38min, Bodmer aproveitou oportunidade para abrir o placar para os donos da casa.

No entanto, depois de perder grandes chances para matar o jogo e abrir dois tentos de vantagem, o Lyon foi castigado. Na parte final do duelo, O PSG colocou em prática uma blitz e consumou o empate aos 41min da etapa complementar, com Bodmer.

No tempo extra, os visitantes persistiram impondo um ritmo mais forte e foram beneficiados. Após cobrança de falta do brasileiro Ceará, campeão mundial em 2006 pelo Internacional, o experiente atacante Giuly aproveitou confusão na área e chutou bonito para classificar o PSG, aos 11min da primeira parte da prorrogação.

Os outros clubes que também se deram bem foram o Auxerre e o Lille. O primeiro goleou o modesto Bastia por 4 a 0, e o último emplacou 4 a 1 no Caen. O último campeão do torneio, Olympique de Marselha, foi mais econômico e superou o Guingamp por 1 a 0, com gol do ganês Ayew.

Com informações da Gazeta Esportiva