Gum usa exemplo de 2009 para ser campeão brasileiro

     RIO - Quando o nome Gum é mencionado, provavelmente vem à cabeça dos tricolores o espírito de um verdadeiro guerreiro que por seu time faz todos os sacrifícios para alcançar as vitórias. Uma imagem é rapidamente assimilada ao nome do zagueiro, a sua atuação com sangue na camisa e a cabeça enfaixada na partida diante do Cerro Portenho, pela Sul-Americana de 2009, quando o time perdia por 1x0 e foi exatamente ele o autor do primeiro gol tricolor, já aos 47 minutos do segundo tempo, classificando o Flu para a final da competição.

Este é apenas um exemplo das muitas partidas em que Gum praticamente “suou sangue” para que o Flu pudesse alcançar seus objetivos dentro das competições. O Guerreiro Tricolor declarou que este é o momento novamente de fazer sacrifícios, mas desta vez para que o time possa chegar ao título do Campeonato Brasileiro.

- Faltam oito jogos para conquistarmos o título e se conseguirmos faremos uma grande festa. Vamos fazer tudo para chegarmos ao título. Colocamos na cabeça que queremos isso de qualquer forma. Vamos lutar, e muito, para alcançar este objetivo. Vamos colocar o coração na ponta da chuteira e se for preciso esquecer cansaço ou qualquer outra coisa que possa atrapalhar. Seria muito bom ser campeão depois de tudo que fizemos para não cair no ano passado - disse.

Para Gum o momento de se entregar de corpo e alma no Campeonato Brasileiro chegou. Faltam apenas oito rodadas para o fim da disputa e o Fluminense é o segundo colocado, com um ponto atrás do líder Cruzeiro, o que é missão bem menos complicada para quem já teve que tirar uma diferença de nove pontos do penúltimo colocado do campeonato, como foi em 2009.

- É hora dessa superação do ano passado. Estávamos em uma situação complicada, praticamente impossível de reverter e conseguimos. Só depende de nós mesmo, é vencer mais jogos que o Cruzeiro nesta reta final. Isso é mais fácil do que o que fizemos na reta final do ano passado, pois a pressão era absurda - acrescentou.

Segundo Gum, a motivação da equipe está de volta e com muito mais força, pois na partida contra o Botafogo no último domingo o time conseguiu mostrar que quer vencer e assim o fará daqui por diante em suas participações. - Senti a equipe muito motivada contra o Botafogo. O momento é esse de voltarmos a vencer e termos um estímulo a mais na competição para chegarmos bem no fim. Tudo que fizemos de bom até agora será posto à prova neste momento final. Temos que dar o nosso máximo para no fim termos o nosso valor reconhecido - concluiu.

 

Site do Flu