Sul-Americana: Palmeiras pega Universitário de Sucre em crise

Um desvalorizado Universitário de Sucre, na lanterna da classificação do futebol boliviano, partiu nesta terça-feira para São Paulo onde, na quarta, tentará uma façanha contra o Palmeiras, que o derrotou por 1 a 0 no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

A "U" de Sucre foi ao paraíso ao eliminar o chileno Colo Colo e o paraguaio Cerro Porteño no torneio regional, mas está perto da eliminação, caso não consiga o milagre de vencer fora de casa o "Verdão" por pelo menos dois gols de diferença.

O técnico boliviano Javier Vega mantém a esperança de "reverter o placar e voltar com a classificação" após a partida de quarta-feira, com o argumento de que "o grupo está motivado a fazer grandes coisas".

Após seu momento de glória, o Universitario passou a apresentar um futebol medíocre que o levou à última posição da classificação do torneio boliviano.

A equipe dirigida por Vega teria apenas uma dúvida para o duelo contra o Palmeiras, após seu lateral direito Oscar Añez sofrer uma lesão.

O ataque boliviano estará novamente a cargo de seu artilheiro Roberto Galindo, apoiado pelo atacante argentino Horacio Fernández.

A imprensa boliviana espera que sua equipe, que normalmente joga acima dos 2.800 metros de altitute, não sofra com a queda para os 790 metros acima do nível do mar da cidade de São Paulo.