F1: chuva adia para domingo classificação do GP japonês

      TÓQUIO - A definição do grid de largada do Grande Prêmio do Japão de Fórmula 1 foi adiada para domingo em consequência das fortes chuvas que caem sobre o circuito de Suzuka, impedindo a realização dos treinos classificatórios programados para este sábado, anunciou a Federação Internacional de Automobilismo (FIA).

A primeira sessão de treinos deveria ter começado às 14h (3h de Brasília), mas foi adiada duas vezes. A previsão da meteorologia não indicava uma melhora do tempo, o que levou os organizadores a decidir pelo adiamento definitivo. Os treinos devem começar às 10h (22h) de domingo.

"Esta foi a decisão correta", comentou Andy Stevenson, diretor da escuderia Force India. "A chuva não havia parado e a luz já estava diminuindo. Ter 24 carros ao mesmo tempo na pista teria sido arriscado". Os pilotos também compartilhavam desta opinião.

"Sei que não é uma decisão fácil de tomar, mas nestas condições não teríamos controle sobre nossos carros. Acho que foi a opção certa", disse o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull.

A água chegou a inundar partes da pista, o que impediria os pilotos de competir com segurança. "A pista está com muita aquaplanagem, mesmo nas retas. Em algumas partes, a água cobriu a pista. Não é possível dirigir neste momento. Mesmo que um carro fique apenas 10 ou 15 segundos na sua frente, a água que ele vai levantar é tanta que se torna impossível enxergar", explicou o alemão Timo Glock, da Virgin.

A chuva já havia atrapalhado a terceira sessão de treinos livres na manhã deste sábado. Apenas dois pilotos - Glock e o espanhol Jaime Alguersuari (Toro Rosso) - haviam conseguido correr.

As condições meteorológicas são "incríveis", há "rios impressionantes" que atravessam a pista, assustou-se o britânico Lewis Hamilton (McLaren), comentando a situação pelo rádio com sua equipe. Hamilton, aliás, será penalizado com cinco posições no grid por uma mudança na caixa de velocidade de seu carro, segundo a FIA. A mudança ocorreu na terceira sessão de treinos livres - na qual o britânico conseguiu dar apenas três voltas antes de ser interrompido devido ao mau tempo.