Em jogo fraco, Atlético-PR empata com Vasco na estreia de Soares

O Atlético-PR entrou na Arena da Baixada na noite desta quarta-feira, para o duelo contra o Vasco, em partida válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, com uma novidade no banco de reservas: com a saída de Carpegiani para o São Paulo, Sérgio Soares assumiu o comando da equipe paranaense. Em um jogo fraco e com poucas chances criadas, o empate sem gols prevaleceu até o final.

Com o resultado, os anfitriões chegaram ao sétimo jogo invicto na competição e, com 43 pontos, estão na quinta colocação. Já os cariocas, que vinham de duas vitórias consecutivas, caíram para a 11ª posição, com 37 pontos.

Atlético-PR e Vasco fizeram um primeiro tempo muito fraco tecnicamente, com poucas chances de gol e muitos passes errados. João Carlos e Fernando Prass não precisaram fazer nenhuma defesa difícil.

Aos 7min aconteceu o lance mais perigoso da etapa inicial. Ivan González fez jogada pela esquerda e cruzou. Nieto subiu meio sem jeito e cabeceou à direita do gol vascaíno, perto da trave. Aos 29min, Paulo Baier cobrou escanteio fechado pela esquerda, mas a zaga do Vasco subiu bem e afastou o perigo.

Aos 39min, Paulo Baier cobrou falta pelo lado direito, mas o chute saiu fraco, facilitando para Fernando Prass. Aos 42min, na melhor oportunidade dos cariocas, Fellipe Bastos recebeu passe de Zé Roberto e arriscou de longe. João Carlos fez a defesa com tranqüilidade.

O panorama da partida na etapa complementar não se alterou. Apesar de ter mais posse de bola, o Atlético-PR não conseguia chegar com perigo e freqüência ao gol adversário que, por sua vez, tentava explorar as jogadas de contra-ataque.

Aos 26min o Vasco teve a sua melhor chance. Fellipe Bastos recebeu na intermediária, carregou e soltou a bomba de perna esquerda. João Carlos voou na bola e espalmou para escanteio.

O time da casa respondeu quatro minutos depois. O zagueiro Rhodolfo avançou ao ataque, recebeu na entrada da área e chutou forte, no canto esquerdo. Fernando Prass pulou e mandou para a linha de fundo.

Nos minutos finais, o Atlético-PR ensaiou uma pressão em busca do gol da vitória. Já o Vasco ficou fechado na defesa, administrando o empate fora de casa.

Na próxima rodada, os paranaenses enfrentam o Santos no Pacaembu, no sábado, às 18h30 (de Brasília). No mesmo dia e horário, os cariocas tentam reencontrar o caminho das vitórias em São Januário, contra o Grêmio.