Bernardinho surpreende e convoca dois líberos contra Polônia

 

O técnico Bernardinho inovou e levará para o jogo desta quinta-feira contra a Polônia dois líberos na lista de 12 jogadores, no primeiro duelo da segunda fase do Grupo N do Mundial de Vôlei, marcado para as 16h (horário de Brasília). Sem ter o levantador Marlon, o treinador sacou o ponteiro/oposto João Paulo Tavares, que vinha sendo relacionado em todas as partidas da primeira fase, para a partida.

De acordo com o médico Alberto Chamecki, Tavares não tem nenhum problema médico e a opção é tática. Eleito melhor líbero da Liga Mundial, o titular Mário Jr. não agradou durante as partidas da primeira fase, tendo um desempenho abaixo do que se espera.

O camisa 19 ficou apenas na 15ª colocação no ranking da Federação Internacional de Vôlei (FIVB) dos melhores líberos da primeira fase. Apesar de ter sido levantador no passado, Alan não pode exercer a função já que é apenas permitido que ele jogue na função de líbero.

A equipe verde e amarela caiu no chamado "grupo da morte" da competição, tendo que encarar as seleções da Polônia, invicta até agora no torneio e com uma vitória expressiva sobre a Sérvia, e a Bulgária, apontada entre as favoritas antes do torneio, mas que teve alguns tropeços na primeira fase.