Rio inicia obras de túnel para Copa de 2014 e Olimpíada

Portal Terra

RIO - O Rio de Janeiro deu início nesta quarta-feira às obras para o Túnel da Grota Funda, que será utilizado na implantação do expresso de BRT (Bus Rapid Transit). A construção é uma das promessas da cidade para a realização da Copa do Mundo de 2014 e para a Olimpíada de 2016.

O pontapé inicial das obras foi dado por Eduardo Paes, prefeito da cidade; por Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e do Comitê Rio 2016; e de Ricardo Teixeira, presidente da CBF. O trio acionou a explosão que começou a remoção de solo no local que abrigará a instalação.

Segundo a Prefeitura do Rio, o túnel é a mais importante etapa da implantação da Transoeste, corredor de BRT que ligará a Barra da Tijuca a Santa Cruz. O complexo começou a ser construído há dois meses e está orçado em R$ 692 milhões.

Nova etapa do expresso rodoviário, o túnel é composto por duas galerias de 1,1 km, começando na Estrada do Pontal e seguindo até o Canal do Rio Portinho, em Guaratiba. A primeira explosão, ainda de acordo com a prefeitura, dará espaço ao emboque do túnel no Recreio dos Bandeirantes.

Com 25 kg de dinamite, a explosão desta quarta-feira auxilia na limpeza do túnel, dando acesso para a perfuração. São previstos dois a três avanços diários no local, consumindo 450 kg em cada. No total, 400 toneladas de explosivos devem ser utilizadas na perfuração do túnel.

A Serra da Grota Funda, por outro lado, continuará com a circulação aberta. O trajeto da obra, que tem 50 km de extensão, é percorrido em cerca de duas horas; espera-se, porém, a redução deste tempo em menos da metade.