Kevin Durant é eleito melhor jogador do Mundial de basquete

Agência AFP

ISTAMBUL - O americano Kevin Durant, campeão com seu país no Mundial de basquete da Turquia, foi eleito melhor jogador do campeonato, em um torneio no qual o argentino Luis Scola terminou como maior pontuador, com um total de 244 pontos e uma média de 27,1 por partida.

O argentino foi apontado durante muitos dias como forte candidato ao posto de melhor jogador do Mundial, mas a queda de sua equipe nas quartas de final e a excepcional atuação da estrela dos Oklahoma City nas semifinais e na final, com 38 e 28 pontos, respectivamente, foram decisivos para a consagração de Durant.

Ambos foram incluídos, como esperado, no quinteto ideal do Mundial, junto com o turco Hedo Turkoglu, o sérvio Milos Teodosic e o lituano Linas Kleiza.

Para Durant, este novo êxito chega depois de uma impressionante temporada 2009-2010 no Oklahoma, com o qual foi cestinha do campeonato nacional, com uma média superior a 30 pontos durante a fase regular.

Seu aproveitamento foi chave para guiar o time de Mike Krzyzewski para seu primeiro título mundial em 16 anos.

A seus 66 pontos nos dois últimos dias de competição somam-se atuações destacadas frente a Rússia (33 pontos, 89-79) nas quartas de final e contra a Angola nas oitavas (17 pontos, 121-66). Na primeira fase, sua maior pontuação ocorreu contra o Brasil (27), sendo importante para a vitória (70-68).

Scola, por sua vez, foi o cestinha do torneio, superando inclusive a barreira de 30 pontos em cinco das nove partidas da equipe e protagonizando atuações particularmente importantes, como a que somou 37 pontos no vibrante clássico contra o Brasil nas oitavas (93-89).

Apesar de sua grande atuação individual e de sua equipe ter conseguido finalizar em quinto, a reta final do torneio foi marcada pela grande decepção vivida com a eliminação do time pelos lituanos (104-85), que deixaram a Argentina fora das semifinais de um grande torneio pela primeira vez em uma década.

"Meu valor pessoal está muito relacionado ao valor do time, não podemos separar uma coisa da outra", disse.

Durant, com um total de 205 pontos, foi o segundo cestinha do Mundial, mas ficou em terceiro na classificação de média por partida (22,8), superado nessa segunda posição pelo neo-zelandês Kirk Penney (24,7, depois de marcar 148 pontos em seis partidas).

Durant sucede, no posto de melhor jogador do Mundial, o espanhol Pau Gasol, ausente nesta edição. Já Scola substitui o posto de cestinha que era do chinês Yao Ming.