Mundial de Basquete: Espanha-Sérvia e Turquia-Eslovênia abrem quartas

Agência AFP

ISTAMBUL - A Espanha, campeã mundial, e a Turquia, país anfitrião, cujas seleções são apontadas como favoritas na disputa por medalhas do Mundial de Basquete, terão jogos a princípio difíceis, na quarta-feira, na abertura das quartas de final do torneio, contra a Sérvia e a Eslovênia, respectivamente.

As duas partidas se anunciam muito equilibradas na disputa por uma vaga entre os quatro melhores do mundo, e o jogo dos espanhóis será uma reedição da final disputada - e vencida - há um ano em Katowice, no campeonato europeu da Polônia (85-63).

A partida, com sabor de revanche para os balcânicos, se anuncia como um dos pratos fortes da antepenúltima rodada e como o duelo entre os mais recentes campeões do torneio, já que a Espanha ganhou em 2006 e a Iugoslávia, equipe da qual os sérvios são herdeiros, fez 'dobradinha' em 1998 e 2002.

Nos últimos dias, a Espanha tem tido que enfrentar problemas internos, com seus pivôs Felipe Reyes e Marc Gasol no centro de suas preocupações.

O primeiro deixou o jogo contra a Grécia com dores no pescoço, um problema recorrente que motivou sua viagem a Madri para ser examinado por seu médico de confiança, voltando a Istambul na segunda-feira, afirmando que estava bem e jogaria sem problemas contra os sérvios.

Marc Gasol, por sua vez, se viu afetado nos últimos dias por uma "amigdalite aguda" que não o impedirá de jogar, mas que comprometeu seu descanso e sua forma física, razão pela qual será outra incerteza do dia.

No outro jogo do dia, 15.000 turcos apoiaram sua seleção no jogo possibelmente mais complicado que os jogadores enfrentaram até agora no torneio, contra uma equipe eslovena que jogou muito bem e que só perdeu para o projeto de 'Dream Team' americano (99-77).

Na quinta-feira, Estados Unidos-Rússia e Lituânia-Argentina completam as quartas, definindo os dois últimos semifinalistas.

-- Programa das quartas de final do Mundial de Basquete da Turquia:

- Quarta-feira:

(12h00 de Brasília) Espanha - Sérvia

(15h00 de Brasília) Turquia - Eslovênia

- Quinta-feira:

(12h00 de Brasília) Estados Unidos - Rússia

(15h00 de Brasília) Lituânia - Argentina