Para goleiro do Flu, não há favoritos em clássicos

JB Online

RIO - Quem nunca ouviu a famosa e célebre frase de Vicente Matheus afirmando que clássico é clássico e vice e versa? Pois bem por mais estranha aos ouvidos que possa ser, ela faz um certo sentido no quesito equilíbrio deste tipo de partida, principalmente na semana de um jogo desta importância, em que um jogador tem que tomar muito mais cuidado nas palavras para que elas não sirvam de incentivo para o rival.

Fernando Henrique é um dos adeptos de Vicente Matheus na afirmativa do ex-técnico, pois para o goleiro as dificuldades que se tem na semana de um clássico são inúmeras, mas ainda assim FH vê pontos positivos em toda esta pressão, pois segundo ele, a apoio da torcida pode fazer toda diferença antes do jogo.

- Clássico não tem favorito por tudo que o cerca. A torcida já fica mobilizada durante a semana, basta ver o que temos aqui hoje na praia. Acredito que pelo outro lado não será diferente, a torcida do Vasco deve apoiá-los também. Sábado será um dia especial para todos, pois é quando os torcedores têm tempo livre para irem aos treinos, devem comparecer em bom número. Domingo teremos outra final.

Para Fernando é impossível dizer que o Fluminense leva alguma vantagem sobre o Vasco por conta de estar melhor posicionado na tabela. O goleiro afirmou que espera encontrar um jogo muito complicado e acha que quem fala que existe um favorito está por fora da realidade.

- Será um clássico e clássicos são muito difíceis para todos. Quem vier falar que existe um favorito está por fora. Para vencermos será preciso muito empenho dentro de campo, por isso acredito que jogaremos como ultimamente, com muita garra e disposição.

Se o Vasco tem um jogador que pode desequilibrar a qualquer momento, esse jogador é Carlos Alberto na opinião de FH. Os jogadores são grandes amigos desde as categorias de base do Flu e Fernando Henrique garante que sabe bem o estilo de jogo do adversário e que torce muito pelo sucesso dele, mas só a partir da próxima semana.

- Sei bem como joga o Carlos Alberto, só não sei se ele vai vir pilhado. Espero que o Flu ganhe e que o Carlos jogue bem, mas só no próximo jogo, pois ele é meu amigo.

Destaque do Flu no último clássico contra o Botafogo por conta de suas defesas, Fernando espera repetir a boa atuação se for preciso, mas garante que bem melhor será se a bola não chegar perto dele uma vez sequer.

- Espero que possa ajudar o Fluminense, se eu tiver que fazer boas defesas, vou fazer, mas se a bola puder não chegar perto do gol, ficarei muito mais feliz.

O Fluminense segue o trabalho de preparação para a partida contra o Vasco, domingo no Maracanã, com treinamentos nas Laranjeiras todos os dias pela manhã e de forma integral nesta quarta-feira (18).

Site do Flu