Maioria rejeita verba pública em estádios da Copa, aponta Datafolha

Folha de S. Paulo, JB Online

S O PAULO - O uso de dinheiro público na construção e na reforma de estádios para a Copa de 2014, no Brasil, é desaprovado por 57% da população, informa a pesquisa do Datafolha, publicada nesta segunda-feira pela Folha de S. Paulo.

O Datafolha, que ouviu 10.856 pessoas em 382 municípios, registra 37% de brasileiros que aprovam essa destinação para os recursos dos impostos; 7% não souberam responder.

O custo para as obras de 11 arenas do Mundial é estimado em R$ 5,1 bilhões. O BNDES, banco estatal, tem R$ 4,8 bilhões para financiar esses projetos.