Dirigente do Inter diz que gramado sintético não será problema

Portal Terra

DA REDAÇ O - O diretor-executivo do Internacional, Nilton Drummond, afirmou que a equipe acredita que o gramado sintético do Estádio Omnilife, local da primeira partida da final da Copa Libertadores da América, contra o Chivas, não será um problema. Em entrevista à Rádio Gaúcha após desembarque da delegação em Guadalajara, Drummond disse que, segundo foi informado, o piso é de última geração, com sensibilidade semelhante a um gramado natural. A isso o dirigente acrescenta o fato de o time mexicano ter atuado somente uma vez no estádio.

De acordo com as informações divulgadas, o diretor-executivo afirmou que a delegação chegou cansada ao país norte-americano, embora a programação estabelecida pelo clube tenha sido cumprida à risca. Drummond também disse à Rádio Gaúcha que o time irá descansar antes de realizar um treinamento no Estádio Omnilife, nesta segunda-feira, às 20h (de Brasília), oportunidade que será utilizada para uma melhor adaptação ao gramado sintético e seleção do material esportivo adequado para a partida da próxima quarta-feira. O Inter também fará um segundo treino no local na terça.