Botafogo: sem dor, Antônio Carlos espera se adaptar à proteção

JB Online

RIO - Ao subir para cortar um ataque do Vitória, Antônio Carlos deu início à jogada que resultou no terceiro gol do Botafogo, marcado por Jobson, no triunfo por 3 a 1. Mas o zagueiro levou a pior ao receber uma cabeçada no nariz. Constatada a fratura, ele sentiu muita dor, mas o quadro já melhorou nos últimos dias. Só não dá para precisar se terá condições de enfrentar o Atlético-MG, sábado (7).

"Não estou sentindo mais dor, mas há o receio de levar uma pancada. Treinei nesta terça-feira (3) na praia, descansei à tarde e posso já nesta quarta (4) usar uma máscara. Dependo da avaliação dos médicos e se vou conseguir me adaptar a uma proteção para jogar", explicou Antônio Carlos.

Se depender apenas da vontade dele, o Botafogo terá seu camisa em 3 em campo, principalmente porque ele quer manter sua série de boas atuações. Mas o zagueiro pensa também que tem de evitar riscos.

"Quebrar qualquer sequência sempre é ruim. Vinha jogando bem e isso ainda aconteceu na hora que conseguimos a vitória que precisávamos. Mas temos jogadores de qualidade para entrar, se necessário. Não preciso me expôr, tenho que voltar quando houver certeza que estou bem", completou.

Site do Botafogo