Símbolo parodiado da Copa causa polêmica na Nova Zelândia

Agência AFP

JOHANNESBURGO - Uma paródia ao símbolo oficial da Copa do Mundo de 2010 vem causando polêmica na Nova Zelândia. A versão digital de uma loja do país, a Stirling Sport, colocou à venda uma camiseta na qual aparece o logotipo da competição com uma pessoa portando uma arma em vez de arriscando uma jogada de bicicleta, como ocorre no original.

Na camiseta, a palavra "fail" (falha) ainda foi colocada em cima do logotipo, prevendo o fracasso do Mundial da África do Sul. Tai Nicholas, secretário-geral da Oceania Football, órgão que representa a Fifa na região, atacou a paródia, dizendo se tratar de um insulto ao povo sul-africano e de um "truque do pior gosto" possível. As declarações foram noticiadas pela revista Kickoff.

Segundo a revista sul-africana, o dono da franquia da Stirling Sports, Russell Fowler, apressou-se para se defender na polêmica. O empresário afirmou que um membro da equipe do site publicou a imagem sem examiná-la atentamente. Assim, apontou que a loja acreditou que fosse o logotipo original da competição.

Nicholas disse que a "brincadeira" quase gerou um processo, visto que difama a Fifa e também os organizadores da Copa. Ele enfatizou que até o governo da Nova Zelândia poderia sofrer retaliações caso o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, fosse informado sobre o assunto.