Gasol confirma ameaça e fica fora do Mundial de basquete

Portal Terra

LOS ANGELES - A Espanha terá um desfalque de peso no Mundial de Basquete que acontece em agosto, na Turquia. O pivô Pau Gasol confirmou, através de um comunicado oficial em seu site, que não participará da competição por conta do desgaste físico que sofreu durante a NBA com o Los Angeles Lakers. Anteriormente, o pivô já havia ameaçado ficar de fora da competição na Turquia.

Gasol se reuniu com os médicos e decidiu não defender a Espanha no Mundial. Segundo o pivô, os médicos entenderam os argumentos do jogador e liberaram o atleta para descansar durante o período do Mundial.

"Depois de um período de reflexão com os meus médicos, preparadores físicos e fisioterapeutas, dois espanhóis e americanos, informo ao presidente da Federação Espanhola de Basquete, José Luis Sáez, e ao técnico da seleção, Sergio Scariolo, que as circunstâncias atuais me deixam desencorajado a minha participação no próximo Campeonato Mundial da Turquia 2010", disse Gasol em seu site.

Segundo o pivô, o motivo de ficar de fora do Mundial é em relação às duas lesões musculares que sofreu durante a temporada.

"Este ano sofrido duas lesões musculares graves e acredito que é tempo para descansar. Eu acho que é melhor escolher o momento certo para relaxar do que o corpo decidir por você em um momento mais inoportuno", afirmou.

Gasol ainda afirmou que está triste por não defender a seleção espanhola no Mundial, mas lembrou que nos últimos quatro anos ele é um dos jogadores que por mais tempo estiveram em quadra.

"Eu sei que todos sabem do meu compromisso com a escolha e eu lamento esta decisão, mas nos últimos quatro anos, eu sou um dos jogadores que mais jogos fez no mundo, tendo alcançado as finais de todas as as duas disputas com os Lakers e com a seleção. Agora meu corpo está pedindo um alívio temporário", disse.