"Pressão não é problema", diz Ancelotti

Portal Terra

INGLATERRA -

A briga pelo título na Inglaterra é travada rodada a rodada por Manchester United e Chelsea. Depois da vitória do Manchester no sábado sobre o Tottenham, o time londrino entrou em campo no domingo precisando vencer para recuperar a ponta da tabela, e não decepcionou seus torcedores, impondo uma goleada sobre o Stoke City por 7 a 0.

O treinador Carlo Ancelotti, porém, disse que agora não sente nenhuma pressão. "Havia um pouco de pressão sobre nós, mas o time esteve muito bem. Tivemos uma performance fantástica, e o mais importante é que o título está em nossas mãos", disse o italiano ao site da Fifa.

Com os sete gols, o Chelsea aumentou para nove a diferença no saldo de gols para o Manchester, primeiro critério de desempate. Mas Ancelotti acredita que o título não será definido pelo critério. "Eu não acredito que (os sete gols) será importante para definir o título. Um time irá ficar na frente pela pontuação", afirmou, destacando que a filosofia de sua equipe é o ataque. "Mas eu teria preferido guardar dois ou três gols para a próxima semana. Esqueci de avisar meus jogadores", riu o técnico.