Técnico do Arsenal pede que torcida respeite Adebayor

Agência AFP

LONDRES - O treinador do Arsenal, Arsene Wenger, pediu nesta sexta-feira aos torcedores do clube inglês que respeitem o ex-atacante do time, Emmanuel Adebayor, atualmente no Manchester City, nas vésperas do confronto entre ambos os times na liga inglesa.

"Sempre tivemos a mesma linha de conduta: respeitar o que nossos ex-jogadores fizeram por nós e queremos que nossos seguidores também o respeitem e animem nossa equipe", disse o técnico.

"Espero que todo mundo se comporte corretamente", disse o francês.

Adebayor deixou o Arsenal no final da temporada passada em meio a polêmicas. Na partida entre o Arsenal e o Manchester City do último mês de setembro, o togolês foi vaiado por seus antigos torcedores, respondendo com vários gestos de provocação que lhe valeram uma multa.

Adebayor também foi suspenso por três partidas por ter pisado no rosto de seu ex-companheiro de equipe, o holandês Robin Van Persie.