Mano "demite" Andrade antes da hora e espera Fla diferente

Portal Terra

SÃO PAULO - O técnico Mano Menezes se adiantou e já sente que terá pela frente o Flamengo com um comando técnico diferente para o primeiro duelo das oitavas de final da Copa Libertadores, marcado para a próxima quarta-feira. Apesar de Andrade balançar no comando, até o momento ele ainda é o treinador do rival.

- O Flamengo é difícil em qualquer estágio. O Flamengo da quarta que vem não vai ser o Flamengo que teve dificuldades na Libertadores, será mais forte e temos de nos preparar para enfrentá-los. Não sei quem vai ser o próximo técnico, pode ser alguém que conhece bem o clube. Temos de nos preparar para essas novidades que virão pela frente - disse o técnico Mano Menezes.

Apesar de o Corinthians ter se classificado com a melhor campanha e o Flamengo ter visto a sua ida para as oitavas ameaçada pela campanha irregular, Mano Menezes não acredita que os problemas extra-campo poderão atrapalhar o adversário nos jogos decisivos. Em sua opinião, serão dois jogos difíceis.

- Não existe diferença técnica por conta da pontuação (16 do Corinthians contra 10 do Flamengo). É só olhar o plantel dos dois. Futebol é momento. No início da competição o Flamento teve dificuldade, tomou um gol que não devia no fim e chegou na última rodada do jeito que chegou. Podemos não ter agradado tanto mas não passamos por isso. Será um confronto duro e parelho e quem errar menos passa de fase - disse o treinador, que além de tudo aguarda dois jogos de alto nível, assim como o lateral esquerdo Roberto Carlos.

- Pela diferença de pontos podemos ser considerados favoritos. Mas por equipe, não. É uma pena que já aconteça o confronto nas oitavas. Só dependemos da gente. A obrigação é do Corinthians de fazer dois grandes jogos. Fomos melhor do que os outros 31 times que disputaram e o Flamengo teve de esperar os resultados. Serão dois jogos importantissimo. Todos falam de crise (no adversário), mas crise não existe. Serão dois jogos marvilhosos - afirmou.