Jornal italiano destaca má fase de Adriano

Portal Terra

ITÁLIA -

O periódico italiano Gazzetta Dello Sport destacou a fase ruim vivida pelo centroavante Adriano. O jornal disse que o atacante foi do céu ao inferno em menos de cinco meses, quando o Flamengo venceu o Campeonato Brasileiro, com o atacante como artilheiro.

Segundo a Gazzetta Dello Sport, a paciência do torcedor flamenguista já se esgotou, e mesmo com a classificação da equipe às oitavas de final da Libertadores, os torcedores xingaram Adriano ao fim da vitória por 3 a 2 contra o Caracas.

O jornal afirmou que o centroavante do time rubronegro jogou apenas treze das vinte e quatro partidas em 2010, marcando doze gols, sendo onze pelo estadual e um pela Libertadores (com o destaque de que ele jogou apenas três dos seis jogos do Flamengo no torneio).

Mesmo com bons números, a Gazzetta disse que as atuações do atacante ¿não tem sido convincentes¿, e que parte dos brasileiros prefere que Neymar seja convocado à Copa do Mundo. O diário acredita que a raiva dos torcedores aumentou ainda mais depois da perda do título carioca para o Botafogo, no último domingo, quando Adriano perdeu um pênalti.

O periódico destacou que no começo da partida contra o Caracas, a torcida procurou incentivar seu atacante com os gritos de "O Imperador voltou". Mas ele, "lento e pesado", segundo o jornal, desapontou aos torcedores. A Gazzetta Dello Sport lembrou do grito da torcida flamenguista em 2001, que dizia "Bota pra vender", e que "pouco depois aconteceu: ele foi vendido para a Inter de Milão."