São Paulo confia no retrospecto para vencer Once Caldas

JB Online

SÃO PAULO - O grande objetivo do São Paulo, como não poderia ser diferente, é terminar como líder do grupo 2 da Libertadores. Para isso, terá de marcar gols para sair de campo com os três pontos diante do Once Caldas, nesta quarta-feira à noite. E o fato tem sido muito comum quando o assunto é a competição continental.

Ao longo das 15 participações no torneio, o Tricolor Paulista já disputou 66 partidas no Morumbi e marcou 138 gols, mantendo uma média de 2,09 gols marcados por jogo. Neste período, foram apenas quatro partidas sem vazar o rival.

Já diante de equipes colombianas são quatro jogos (duas vitórias e dois empates), com um aproveitamento de um gol por jogo. No entanto, a única equipe colombiana que não foi vazada foi justamente o Once Caldas, em 2004. Retrospecto que terá de mudar nesta quarta.

- O bom resultado é a vitória. Seria importante esta vantagem nas próximas fases. Empate nunca é um bom resultado - explicou o técnico Ricardo Gomes, que não esconde o desejo de terminar líder do grupo para não depender de combinações de resultados para se classificar.

Outro fator que anima o torcedores são-paulino, que já comprou 36.600 mil ingressos (recorde na temporada), é o desempenho da equipe em casa nesta Libertadores. Em dois jogos, o Tricolor conquistou duas vitórias e não sofreu nenhum gol. Bateu o Monterrey-MEX (2 x 0) e o Nacional-PAR (3 x 0).

Depois da eliminação no Campeonato Paulista para o Santos, no último domingo, a partida também servirá, além da classificação, como uma reviravolta no time, que vem sendo criticado após as derrotas para o rival paulista. Por conta disso, só resta vencer e esquecer o passado.

- Queremos vencer e também fazer um bom jogo. Estamos trabalhando para isso. Na situação que a gente está, não podemos nos dar ao luxo de pensar em outra coisa - decretou o volante Hernanes, que estará entre os titulares diante dos colombianos.

Para mais esta partida decisiva, o técnico Ricardo Gomes contará com todos do elenco. Será apenas a segunda vez que isso acontecerá - a primeira foi na vitória sobre o Naciona-PAR, no Morumbi. Até o goleiro Bosco, que se recuperou de entorse no tornozelo esquerdo, está relacionado.

A boa notícia fica por conta do meia Marlos. Após desfalcar a equipe no último domingo, o camisa 16 volta e está confirmado por Ricardo entre os titulares. Ele deverá formar o ataque com Dagoberto e Fernandinho. Washington seguirá como opção no banco de reservas.

Além da aposta no ataque, a defesa são-paulina também remete confiança. Em cinco partidas na Libertadores, o São Paulo sofreu apenas dois gols. Foi na derrota para o próprio Once Caldas por 2 a 1, na Colômbia. Mas, em entrevista ao Site Oficial, na última segunda-feira, o zagueiro Alex Silva já avisou que a história não irá se repetir nesta quarta.

Informações - site oficial do São Paulo