Terroristas ameaçam a Copa do Mundo

JB Online

DA REDAÇÃO - A rede terrorista Al Qaeda ameaça dar as caras na Copa do Mundo da África do Sul. Segundo um comunicado reproduzido por uma revista islâmica, a intenção do grupo é lançar um ataque durante as fases finais do Mundial.

Os principais alvos seriam as seleções de Estados Unidos, Inglaterra, Itália, França e Alemanha - países acusados de fazerem parte de uma "cruzada" contra o Islã.

- Seria incrível se, em um jogo entre Estados Unidos e Inglaterra, durante a transmissão ao vivo com o estádio cheio de torcedores, o som de uma explosão estourasse nas arquibancadas, com tudo virando de cabeça para baixo e o número de corpos chegando a dezenas, centenas, se Alá quiser - é o que diz o pronunciamento da Al Qaeda publicado na edição da revista Mustaqun Lel Jannah (Esperando Pelo Paraíso).

Em outubro passado, forças de segurança da África do Sul descobriram um plano dos mesmos terroristas para realizarem um ataque no Mundial. À época, a Agência de Inteligência Nacional sul-africana prendeu vários suspeitos ligados à Al Qaeda em Moçambique e na Somália, com a ajuda de agentes norte-americanos e forças policiais.