Jogador do River morde dedo de rival durante partida

Portal Terra

BUENOS AIRES - Boca Juniors e River Plate protagonizam o maior clássico do futebol argentino. E como não poderia ser de outra forma, todos os jogos entre os dois times é cercado de curiosidades e fatos inusitados. Na noite de quinta-feira, as equipes se enfrentaram pelo Torneio Clausura, com vitória do Boca Juniors por 2 a 0. Mas diferentemente do que se pensa, o que mais chamou atenção no jogo não foi o placar, e sim uma mordida que o meio-campo Gallardo, do River, deu no dedo do chileno Gary Medel.

Medel, do Boca, é conhecido na Argentina como "Pitbull" porque dizem que ele sempre joga com cara de cachorro bravo.

Os dois jogadores se estranharam no segundo tempo e começou um bate-boca. Medel então colocou o dedo no rosto de Gallardo, que não pensou duas vezes e mordeu seu dedo. O jogador do Boca, ovacionado pela torcida, ainda foi expulso depois de dura entrada em Matías Almeyda.

O site oficial do Boca Juniors ironizou a curiosa ação e comentou que agora jogadores do River arranha e morde.