Grêmio aguarda posição da Fifa sobre caso Maxi Lopez

JB Online

PORTO ALEGRE - O grêmio aguarda uma posição da Fifa sobre uma indenização pela quebra de contrato de Maxi Lopez. O jogador saiu do clube, no início do ano, para a Catania, da Itália, após comunicar que trocaria de clube, por telegrama. Antes, no entanto, o tricolor gaúcho havia depositado ¬ 1,5 milhão pela renovação do contrato do atacante.

- Estamos atuando na Fifa com a parceria de um escritório na Europa. Entendemos que houve uma quebra contratual por ele descumprir o contrato. Trabalhamos bastante para resolver isso, e a Fifa é bastante rigorosa explicou o advogado do Grêmio Rui Costa, em entrevista ao jornal Zero Hora.

O valor depositado pela renovação de contrato de Maxi Lopez já foi recuperado pelo Grêmio, mas o clube espera receber um ressarcimento por perdas e danos contra o atacante. Mas, de acordo com o advogado, os tramites são demorados e o Grêmio pode esperar até um ano para que a entidade tome uma posição sobre o caso.