Três anos após a separação, Bernardinho chama Ricardinho

JB Online

RIO - Já se vão quase três anos desde que Ricardinho e a seleção brasileira de vôlei tomaram caminhos diferentes. Nesta segunda-feira, contudo, o técnico Bernardinho deu um passo concreto para a reaproximação. O treinador incluiu o levantador de 34 anos na pré-lista de 22 nomes para a disputa da Liga Mundial, que começa em junho. Como ainda haverá cortes, a inclusão do nome não significa garantia de retorno do atleta, que foi afastado da seleção às vésperas dos Jogos Pan-Americanos de 2007, por problemas de relacionamento no grupo.

Até o dia 30 de abril, a lista será reduzida para os 19 nomes que serão inscritos na competição. Só depois disso, Bernardinho começará a fazer as convocações para os treinos. O Brasil está no grupo A, ao lado de Bulgária, Holanda e Coreia. A estreia será no dia 4 de junho, contra os búlgaros, em Uberlândia.

A pré-convocação inclui outros três levantadores: Bruninho - filho de Ricardinho e atual titular da seleção -, Marlon e Sandro. Também na lista estão jogadores veteranos que estavam no grupo de 2007. É o caso de Giba, alvo de críticas de Ricardo após o episódio do corte.

Não é a primeira vez desde então que o nome de Ricardinho entra numa pré-lista. Ainda em 2007, três meses após a confusão, Bernardinho convocou o jogador para a Copa do Mundo, mas condicionou sua permanência no grupo a um pedido público de desculpas, o que não acabou não acontecendo. Ao contrário: a partir daquele momento, atleta e seleção se separaram de forma drástica, com direito a declarações cheias de mágoa.

Confira abaixo a pré-lista completa divulgada por Bernardinho nesta segunda:

Bruninho - levantador (Florianópolis)

Dante - ponteiro (Dínamo de Moscou-RUS)

Éder - meio de rede (Florianópolis)

Lorena - oposto (Montes Claros)

Giba - ponteiro (Pinheiros)

João Paulo Bravo - ponteiro (Piacenza-ITA)

João Paulo Tavares - oposto (Panasonic-JAP)

Leandro Vissotto - oposto (Trentino Volley-ITA)

Lucão - meio de rede (Florianópolis)

Marlon - levantador (Brasil Vôlei)

Mário Júnior - líbero (Florianópolis)

Maurício - ponteiro (Minas)

Murilo - ponteiro (Sesi)

Ricardinho - levantador (Sisley Volley-ITA)

Rodrigão - meio de rede (Pinheiros)

Sandro - levantador (Cruzeiro)

Serginho - líbero (Brasil Vôlei)

Sidão - meio de rede (Sesi)

Théo - oposto (Santory Sunbirds-JAP)

Thiago Barth - meio de rede (Sesi)

Thiago Alves - ponteiro (Florianópolis)

Wallace - oposto (Cruzeiro)